Stephen Hawking diz que humanidade tem apenas mais mil anos na Terra

Ele alertou que é preciso ser muito cuidadoso com a questão de planejar e criar colônias autossustentáveis fora da Terra. | Foto: Divulgação
O britânico Stephen Hawking é um dos físicos e cosmologistas mais respeitados da história.

Do Ciclo Vivo -

O britânico Stephen Hawking é um dos físicos e cosmólogos mais respeitados da história. Em uma palestra dada recentemente na Universidade de Oxford, ele fez previsões não muito positivas para a humanidade. Segundo o cientista, os seres humanos não devem sobreviver a mais mil anos na Terra.

Como um dos grandes estudiosos do universo, Hawking explicou que os avanços tecnológicos já nos permitiram estudar com muito mais profundidade a natureza, os seres humanos e também o espaço. “O fato de que nós, humanos, como meras partículas fundamentais da natureza, temos sido capazes de entender as leis que governam a nós e ao universo é certamente um triunfo”, disse.

Com base nessas informações e descobertas que o cientista faz as previsões de que, no próximo milênio, talvez nós não estejamos mais em condições de habitar este planeta. Em contrapartida, ele ressalta que o conhecimento adquirido até hoje e o que ainda está por vir deve ser suficiente para impedir a extinção da humanidade.

Para Hawking, a solução é encontrar no cosmo outras possibilidades de sobrevivência. “Eu não acho que nós sobreviveremos a outros mil anos sem ir além do nosso frágil planeta.”

Mesmo assim, ele alertou que é preciso ser muito cuidadoso com a questão de planejar e criar colônias autossustentáveis fora da Terra.
Enviar: Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: