9 curiosidades que poucos sabem sobre Fidel Castro


© Sputnik/ Vladimir Rodionov, via Pátria Latina

Por ocasião do aniversário de Fidel Castro, relembramos que ele é o homem que governou Cuba por quase 50 anos, o homem cujo discurso na ONU em 1960 é o mais longo da história, o homem que sobreviveu a centenas de ataques.

Ele nasceu em uma família rica

Fidel Castro nasceu na família do plantador de açúcar em Biran (Cuba). Seu pai era um trabalhador imigrante da província espanhola da Galiza que se havia tornado um fazendeiro próspero. Em uma entrevista de 1992, Castro disse: “não gosto de dizer que sou filho de um proprietário de terras, por isso digo que sou neto de um camponês galego explorado”, disse ele, citado pelo portal US News.

Ativismo político e basebol

Ele começou sua carreira política como ativista quanto estudava Direito na Universidade de Havana, em 1945. Embora não fosse um aluno exemplar, Fidel se destacou como jogador de beisebol, tornando-se um dos melhores arremessadores do seu tempo. Seus principais passatempos eram a caça submarina, cozinhar e ler.

Últimas baforadas de charutos

Fidel Castro sempre esteve associado a uma de suas maiores predileções, os charutos de Havana. No entanto, ele teve que os abandonar em 1985 por causa de problemas de saúde.

Uma barba icónica

Ainda nos tempos revolucionários, Castro começou a deixar crescer sua barba característica, que deixou crescer porque, como reconheceu, fazer a barba levaria 15 minutos do seu tempo que “poderia usar em atividades mais importantes”. “Quando nós cumprirmos a nossa promessa de ter um bom governo, eu vou fazer a barba”, disse ele.

Divórcio por causa de cartas de amor

Ele se casou com Mirta Diaz Balart, de uma família rica ligada ao ditador cubano Fulgencio Batista, com quem teve um filho em 1949, chamado Fidelito. Mirta se divorciou de Fidel Castro quando ele estava na prisão, depois que ela recebeu por acaso cartas de amor que ele escreveu para a socialista cubana Natalia Revuelta. Mais tarde, ela confessou a suspeita de que o diretor da prisão tivesse ordenado a mudança do endereço da correspondência de Castro.

49 anos à frente do país

Fidel Castro permaneceu à frente de Cuba por 49 anos e 49 dias, o terceiro maior período que um governante esteve no poder na história, logo a seguir à rainha da Inglaterra Isabel II e ao rei da Tailândia Bhumibol Adulyadej, segundo a Reuters.

Atentados

Durante seu mandato, Castro sobreviveu a mais de 643 tentativas de assassinato, na sua maioria perpetradas alegadamente pela CIA. Nas tentativas falhadas foram usados métodos tão exóticos como moluscos explosivos, injeções letais, medicamentos e charutos envenenados.

Seu livro favorito

Um de seus livros favoritos é “Por Quem os Sinos Dobram” de Ernest Hemingway, romance ambientado na Guerra Civil Espanhola (1936-1939).

O discurso mais longo

Fidel Castro entrou no Livro Guinness dos Recordes por fazer o discurso mais longo da história: quatro horas. Ele o pronunciou perante a Assembleia das Nações Unidas em 29 de setembro de 1960.
Enviar: Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: