O empoderamento de Patrícia, a acusadora de Feliciano: “Só tem homem burro no PSC”


Por Cynara Menezes, Socialista Morena -

Quando encontro Patrícia Lélis, a garota de 22 anos que acusa o pastor Marco Feliciano de estupro, em um café de Brasília, ela acaba de vir de uma reunião no CFEMEA (Centro Feminista de Estudos e Assessoria), uma das entidades que a auxiliam na denúncia contra o deputado federal do PSC. Patricia chega acompanhada pela mãe, Maria Aparecida, que, desde julho, quando a história veio à tona, acompanha a caçula por toda parte, que nem mãe de miss. Patricia é pequena e muito bonita, apesar da maquiagem excessiva que usa no rosto, com muita base escondendo as pintinhas e as sobrancelhas marcadas com kajal.

Patrícia vem com um sorriso estampado no rosto e brilho no olhar. Está encantada com a recepção que teve no CFEMEA. Nem parece a mesma garota que, em abril, atraiu a atenção do partido de Feliciano com vídeos cujo principal alvo eram as feministas. “Não conheço uma feminista bonita”, disparava, em um vídeo de abril deste ano, fazendo chacota da campanha que pipocou nas redes sociais contra os adjetivos “bela, recatada e do lar” utilizados por uma revista semanal para definir a sra. Michel Temer, Marcela.
Matéria Completa, ::AQUI::
Enviar: Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: